Live Cultural com os professores da Escola Antoninho Sampaio marca festividades dos 129 anos de Barreiras

A musicalidade adentrou os lares dos barreirenses noite de terça-feira (26), com a Live Cultural dos professores da Escola Municipal de Música Antoninho Sampaio, preparada pela Prefeitura de Barreiras através da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer. Devido à pandemia do novo coronavírus, as festividades presenciais do aniversário de Barreiras foram adiadas e uma programação virtual com apresentações de poemas e músicas brasileiras, pop, cristã, gospel e eruditas foram transmitidas pelas redes sociais da prefeitura.

A atividade coordenada pela Diretoria Municipal de Cultura aconteceu na recém inaugurada Escola Municipal Mirandolina Ribeiro Macêdo, no palco do Auditório João de Biriba. Durante 3 horas de programação eclética, milhares de internautas acompanharam a evolução dos professores no piano, violão, flautas, instrumentos de sopro, violino e voz. O professor de teatro, Osmar Mendes abriu a live, com a declamação do poema Recomece, retratando o cotidiano atual.

O coordenador do projeto e maestro Eudes Rocha ressaltou que a experiência foi motivadora e que o alcance da música ultrapassa os limites de isolamento. “Conseguimos retratar nessas três horas de apresentação, que a música não tem fronteiras. Gostaríamos sim, de ter uma grande platéia, mas temos certeza que conseguimos levar nosso trabalho para as casas e ouvidos da população, reforçando a ideia de uma festa dentro de casa e no coração da gente. Foi divertido, prazeroso esse momento com todos os professores da Escola Municipal de Música Antoninho Sampaio”, disse o maestro.

O diretor municipal de cultura, Lucas Barreto acompanhou o evento, reforçando que a Escola de Música e Banda Municipal 26 de Maio têm participado de todas as comemorações do aniversário da cidade, e essa foi uma forma de manter essa tradição, selada pela musicalidade barreirense.

“Mesmo com os impedimentos e restrições devido à pandemia, tomamos todos os cuidados para que a live cultural chegasse aos barreirenses. Desde a reativação da escola de música em 2017, que participamos dessa comemoração e esse ano, não poderia ser diferente. Então, nessa data especial, a tecnologia nos ajudou a transmitir a música desses talentosos professores, e assim, entrar nos lares das famílias e comemorar juntos os 129 anos de Barreiras”, salientou o diretor.

  • Compartilhe: