Barreiras sediará Campeonato Baiano de Ciclismo de Estrada

Representantes das secretarias de governo se reuniram para discutir o apoio que será oferecido durante o evento, confirmado para os dias 23 e 24 deste mês

A expectativa é que pelo menos 300 atletas filiados à Federação Baiana de Ciclismo participem, nos dias 23 e 24 deste mês, em Barreiras, do Campeonato Baiano de Ciclismo de Estrada (CRI) – prova única. O evento é uma realização da Federação Baiana e conta com o apoio da Prefeitura de Barreiras que reuniu, nesta quinta-feira (7), representantes das Secretarias de Educação, Cultura, Esporte e Lazer; Administração; Infraestrutura; Assistência Social; e Indústria, Comércio e Turismo para discutir o formato da prova e as demandas específicas.

“Vamos oferecer o apoio que nos foi solicitado relativo à infraestrutura e logística solicitadas. Cada secretário, juntamente com suas equipes, está empenhado em fazer o melhor, nesta parceria com a Federação Baiana de Ciclismo”, destacou a secretária de Administração, Gislaine Barbosa.

A prova será dividida em duas etapas. A contrarrelógio, realizada no sábado (23) das 17h às 20h e a de resistência, no domingo (24) das 6h às 13h. O circuito será no centro de Barreiras entre a rotatória do Galego Lanches até a entrada da Vila Nova, compreendendo um percurso de 6km. Cada prova terá suas especificidades em relação ao número de voltas e quilometragem, além da divisão por categorias. As inscrições estão abertas e podem ser realizadas até o próximo dia 15, diretamente pelo site da Federação Baiana de Ciclismo http://fbciclismo.com.br/big/campeonato-baiano-de-ciclismo-de-estrada-e-cri-2021-inscricoes-abertas/

“Trata-se de um campeonato importante no calendário de eventos do ciclismo baiano. Barreiras sediar este encontro já é reflexo do trabalho sério que a administração vem realizando com investimentos em setores como infraestrutura, educação, saúde e turismo. Vamos garantir todo o apoio aos atletas que competirem nesta prova de ciclismo de estrada, uma prática bastante difundida aqui, assim como o ciclismo de mountain bike”, explica o secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Roberto de Carvalho.

Dircom/PMB – 07.010.2021

  • Compartilhe: