Secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Barreiras toma posse no Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco

O Secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Barreiras, Demósthenes Júnior, tomou posse como membro titular representando os municípios do Estado da Bahia no Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) para um mandato de quatro anos, de 2021 a 2025. A solenidade, realizada de modo híbrido na última quarta-feira (15), contou com uma parte presencial no auditório da Associação Comercial em Maceió (AL), e também foi transmitida pelo canal do CBHSF no Youtube.

Demósthenes Júnior foi designado pelo Prefeito Zito para ser o representante da Prefeitura de Barreiras no Comitê e no dia 07 de julho passado, ele, juntamente com o prefeito David Cavalcanti, do município de Glória, localizado no submédio São Francisco, após eleição interna, passaram a ocupar duas vagas destinadas ao poder público municipal da Bahia. O Comitê é um órgão colegiado, integrado, além do poder público, por membros da sociedade civil e usuários de água com a finalidade de realizar a gestão descentralizada e participativa dos recursos hídricos da Bacia, com foco na proteção dos seus mananciais e de contribuir para o seu desenvolvimento sustentável.

Criado por decreto presidencial em 5 de junho de 2001, o Comitê possui o aval do Governo Federal que lhe conferiu atribuições normativas, deliberativas e consultivas. Possui 62 membros titulares e os respectivos suplentes e expressa, na sua composição tripartite, os interesses dos principais atores envolvidos na gestão dos recursos hídricos da bacia. Em termos numéricos, os usuários somam 38,7% do total de membros, o poder público (federal, estadual e municipal) representa 32,2%, a sociedade civil detém 25,8% e as comunidades tradicionais 3,3%.

“Nossa participação é importante para que possamos juntos com todos os atores da Bacia resolver os grandes desafios da gestão das águas, no desenvolvimento  de iniciativas da sonhada revitalização do Rio São Francisco e seus afluentes por meio de ações sustentáveis que vão desde a implantação de obras e serviços de recuperação hidroambiental, de infraestrutura hídrica, Planos Municipais de Saneamento Básico, projetos de esgotamento sanitário, até trabalhos de mobilização social e educação ambiental”, destacou o secretário Demósthenes Júnior.

Sobre a Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco – Trata-se da maior bacia hidrográfica localizada exclusivamente no Brasil, consiste em um vasto território de aproximadamente 640 mil km2 rico em recursos naturais, história e cultura da população brasileira. Em seus 2.700 km, o São Francisco passa por cinco estados brasileiros: Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Sergipe e Alagoas, e sua Bacia envolve 506 municípios, distribuídos em sete Unidades da Federação (UFs).

 

Dircom/PMB – 21.09.2021

 

  • Compartilhe: