Para combater o Coronavírus, Secretaria de Saúde de Barreiras intensifica fiscalização nas rodovias com apoio da PRF, Polícia Militar e Guarda Civil Municipal

A Secretaria de Saúde de Barreiras vem desenvolvendo uma série de ações no combate à pandemia do novo coronavírus, causador da Covid-19, em todo o município. No último sábado (16) as fiscalizações, através da barreira sanitária, realizadas de maneira integrada entre a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar e Guarda Civil Municipal, foram intensificadas na BR 020, nas mediações do KM 30, com orientação aos condutores de vans e ônibus que fazem rota interestadual.

De acordo com o coordenador das barreiras sanitárias, Dorimar Almeida, foram realizadas a aferição da temperatura corporal de condutores e passageiros, observação de sintomas de Covid-19 e orientações sobre a doença. Já a PRF e a Polícia Militar garantiram a segurança durante a inspeção, com sinalização da via e parada de veículos.
Adotadas pela Prefeitura de Barreiras há mais de dois meses, a implantação das barreiras sanitárias é uma das medidas preventivas que tem se revelado extremamente positiva no enfrentamento à disseminação do novo coronavírus. Nas fiscalizações alcançadas diariamente pelas equipes de Vigilância Epidemiológica, Sanitária e do Centro de Controle de Zoonoses, são realizadas orientações, aferição de temperatura nas rodovias que dão acesso ao Município, bem como o acompanhamento e monitoramento de casos suspeitos de Covid-19.

“Em nosso município os transportes de ônibus intermunicipais foram temporariamente suspensos pelo governo estadual, mas os transportes interestaduais continuam acontecendo, dessa forma estamos monitorando e orientando os motoristas e passageiros sobre os locais adequados para desembarcarem, bem como realizando a fiscalização de ônibus e vans com orientação de retorno ao local de origem. Esse monitoramento faz parte do controle do novo coronavírus adotado pela Prefeitura de Barreiras e que tem surtido efeitos positivos, agradecemos também a colaboração da PRF e PM nesse combate”, pontuou Dorimar Almeida.

  • Compartilhe: