Educadoras do CRAS III confeccionam máscaras para equipamentos de Assistência Social

A Secretaria de Assistência Social e Trabalho através do CRAS III localizado no Bairro São Pedro está buscando alternativas para oferecer proteção contra o Coronavírus aos colaboradores da rede de assistência social de Barreiras. A iniciativa proposta pela secretária Karlúcia Macêdo movimentou toda equipe de educadoras sociais e costureiras que atendem no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

A coordenadora do CRAS III, Kharola Crisóstomo também está participando do projeto, que prevê a confecção de mais de 600 máscaras de TNT descartável e de tecido Bramante, que são reutilizáveis. “Como não estamos em atividade nessa quarentena, após a solicitação da secretária Karlúcia colocamos a mão na massa e iniciamos a produção das máscaras de proteção para todos os colaboradores da rede assistencial, que continuam visitando as famílias em vulnerabilidade social”, disse Kharola.

A produção começou na manhã de quarta-feira (1), e a expectativa é realizar a entrega já nos próximos dias. “Vamos correr contra o tempo, todas as educadoras estão ajudando cortar e montar as máscaras, fazendo tudo com muito carinho. Sabemos que está muito difícil achar máscaras até para comprar, estas vão proteger as pessoas que continuam trabalhando, ”, enfatizou a costureira Maria Ozete.

De acordo com a secretária de assistência social e trabalho, Karlúcia Macêdo, as máscaras serão encaminhadas aos equipamentos de Assistência Social e usuários atendidos pelos programas sociais.

“O propósito da produção de máscaras é proteger nossos colaboradores dos CRAS, CREAS e CRAM que continuam suas atividades, trabalhando internamente ou realizando visitas. Temos ainda as equipes volantes que estão indo até as residências dos usuários, realizando cadastramento, entregando cestas básicas e assim, ficam expostos ao contágio do Coronavírus. Essa alternativa foi abraçada pelo CRAS III, e estará ajudando e protegendo toda nossa equipe da Assistência Social”, ressaltou Karlúcia. Ela informou ainda que parte das máscaras de TNT será encaminhada aos abrigos e albergues que estão recebendo as pessoas em situação de rua.

  • Compartilhe: