Após a instituição do Plano Municipal de Retomada das Atividades Econômicas, Vigilância Sanitária redobra as fiscalizações, em Barreiras

Equipes da Vigilância Sanitária de Barreiras começam o dia visitando lojas, supermercados, academias e feiras livres, uma ação ininterrupta que se estende até a noite, com o reforço da Polícia Militar, Guarda Civil Municipal e da equipe de fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente e Turismo. Antes das atividades de fiscalização, as equipes receberam orientações jurídicas em um encontro na sede da CDL, com a participação do presidente da instituição Fábio Nogueira, da chefe de gabinete da Prefeitura de Barreiras, Marileide Carvalho, subsecretário de Indústria, comércio e serviços, Roberto Carvalho e da assessora da Procuradoria Geral do Município, Drª. Karoline Cruz.

Em seguida, os fiscais se deslocaram por toda a cidade, o trabalho chega aos bares, restaurantes e lanchonetes, tudo para que o comércio de Barreiras, reaberto na segunda-feira (6), após o Decreto Municipal nº 64 (Diário Oficial 05/04/2020 – Edição 3168), realize suas atividades cumprindo rigorosamente as exigências determinadas no documento, com foco na proteção da saúde da população e dos trabalhadores.

Os bancos também são visitados pelas equipes, que observam o uso do álcool em gel, máscaras e o distanciamento entre os usuários. Nesta semana, com o início do pagamento do auxílio emergencial, liberado pelo Governo Federal pela Caixa Econômica Federal, a Vigilância Sanitária incluiu medidas extras para evitar as aglomerações. “Contamos com o apoio de 10 servidores da educação para ajudar a organizar as filas e ainda com a Guarda Civil Municipal que fechou um lado da rua em frente à agência para melhor acomodar os beneficiários”, explica o diretor da Vigilância Sanitária, Canuto Ayres.

As empresas devem se adequar às orientações do Decreto nº 64 para garantir o funcionamento, observando as especificidades de cada segmento. Nas academias, por exemplo, é exigido que cada aluno ocupe uma área de 5m2, além da disponibilização de álcool em gel e higienização dos equipamentos após cada troca de usuário. O não cumprimento está sujeito às sanções legais previstas no decreto inclusive, no que couber, a interdição do estabelecimento e cassação da licença de funcionamento.

De acordo com o coordenador da Vigilância Sanitária apesar do horário limite para o funcionamento de bares, restaurantes e lanchonetes ser até as 20h, os sistemas de delivery e drive thru operam normalmente, e os fiscais estão atentos para casos do público jovem que adquire itens destes formatos e fica consumindo em praças públicas. “Estamos junto com os parceiros da Polícia Militar e Guarda Municipal abordando pessoas, principalmente os jovens que insistem em permanecer em espaços públicos e promover, desta forma, as aglomerações. É fundamental que todos tenham consciência de que o momento requer cuidado e vigilância redobrada”, diz Canuto.

Medidas de enfrentamento – Para que as atividades comerciais fossem retomadas a Prefeitura de Barreiras levou em consideração as medidas adotadas no enfrentamento à pandemia, os dados estatísticos de monitoramento da propagação do Coronavírus na cidade, cujo número de casos confirmados se manteve inalterado, assim como a parceria com o Governo do Estado que resultou na transformação do Hospital Municipal Eurico Dutra em unidade de referência para triagem e pronto atendimento da Covid-19. Ainda, o termo de cooperação técnica firmado com a Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB) para a realização de exames.

Dircom/PMB – 08.04.2020

  • Compartilhe: